quarta-feira, 22 de abril de 2015

GIGANTE DO AMOR




Amor
Lindo, leve,suave e doce
Usufruo deste desejo secreto
Amor
Feio, bruto, pesado e amargo
Morre paixões. infeliz amor
O amor sem presença, não é companhia
Não digas nunca, jamais
O amor é ardente queima e dói
Não queiras ser enganada
O amor finge, mente magoa
Palavras  nem se fala sente
E pensa na dor do amor
Deixa o coração  amargo
O amargo fel da dor
Não vejo o que sinto, mas sofro
Esta dor sem remédio
Sente sem ver, mas sente
Quem sofre é tão grande
Quanto ao gigante do amor
Ou um amor gigante

Autora: Solange Netto Andrade
                                  10/04/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário